Prevenções

Como curar a ressaca pós-carnaval

"Independentemente da dose, o álcool é uma substância tóxica para o nosso organismo, principalmente para o cérebro e para o fígado", aponta a nutricionista Bela Gil. 

Assim que o álcool é detectado no corpo, ocorre a produção de acetaldeído, produto tóxico resultante da primeira fase do metabolismo da bebida. "O organismo, então, produz glutationa (molécula antioxidante usada para impulsionar as funções do fígado) para combater essa intoxicação, mas não dá conta. Por isso, o corpo sofre com os efeitos do álcool e vem a ressaca", esclarece.

Quando consumido em excesso, a bebida alcóolica provoca sintomas de hipoglicemia. Sabe aquele cansaço no corpo logo pela manhã? Isso acontece porque o glicogênio é transformado em glicose e logo depois eliminado pela urina (ou seja, perde-se a energia produzida por essas substâncias).

Para curar a ressaca, a nutricionista recomenda os seguintes ingredientes: missô, ovo, agrião e bardana (vegetal com propriedades parecidas com as do inhame).

Os frutos do mar também produzem efeito milagroso contra a ressaca. "Ostras contém mais zinco do que qualquer outro alimento. O zinco é necessário para o metabolismo pelo seu papel importante sobre a enzima de hidrogenase, que digere o álcool", conta. O agrião, por sua vez, ajuda no no processo de desintoxicação do sangue e recupera o organismo dos sintomas de hipoglicemia causado pelo álcool.

Fonte: GNT

/MaisSaudeCard

/MaisSaudeAMI

/MaisSaudeAMI